Dica de como correr 10km e ser uma pessoa de sucesso.

Role Aqui

Não, você não caiu em um clickbait!

O que eu vou falar aqui é sobre algo dentro do nosso corpo que pode ser decisivo para conseguir alcançar a vitória ou não. Não são seus músculos e estômago. Ou metabolismo e genética. É o cérebro!

Com o cérebro você pode ter ideias. Essas idéias muitas vezes parecem ser bem atrativas e revolucionárias. Algumas até podem resolver a nossa vida e são a solução de vários problemas. Essas idéias são basicamente o que nos move a fazer algo e dar sequência as seguintes palavras chave: Vida, desafio, superação, conquista. E o que é tudo isso?

Essas idéias são basicamente o que nos move a fazer algo…

Perdida nos scrows do Instagram eu me deparei com uma colega feliz, comemorando ter conseguido correr uma maratona de 10km. 10km, eu pensei. Eu sempre quis correr 10km. É tão legal! É como atravessar uma cidade de médio porte, correndo! É o jeito que o ser humano conseguiu povoar o mundo inteiro! (calma, nem tanto, Amanda).

8km, foi o máximo que eu consegui até hoje. E foi o máximo mesmo! Se eu consegui repetir o feito duas vezes foi muito. Por 2km eu não consegui o que para mim, tem um significado considerável. Eram só 2km para poder viver com a marca de: Ó aquela menina lá, ela já conseguiu correr 10km!

E a resposta é a resposta para a pergunta do começo do texto.

As vezes eu corro na esteira da academia. As vezes eu saio para caminhar. Eu costumava ir correr na rua a uns 2 anos atrás. Eu consegui, mês retrasado, ir correndo e dar uma volta na parte maior do parque. A metade menor eu só consegui 50%, Fui caminhando o resto do trajeto até em casa. Foi um total de 6km. Eu cheguei morrendo, no outro dia eu não andava direito.

Eu cheguei morrendo, no outro dia eu não andava direito.

Então, correr todo dia, acordar as 5 da manhã. Correr quando está chovendo. correr quando está frio. Correr quando está frio e chovendo! Eh…. Acho que eu passo. Eu moro em Curitiba, e em média, aqui chove 160 dias por ano. (Fonte: Google). Com certeza essa vai ser a minha última prioridade no dia. E por decorrência dos fatos já citados, a sina dos 10km continua.

Sabe aquela ultra ideia que vai dar super certo? Você vai ficar rica, linda, sarada, todo mundo vai te respeitar no seu trabalho. Vão te chamar de líder suprema, rainha do Nilo e isso tudo só existe na sua cabeça? Essa ideia é somente um vislumbre satisfeito e platônico de um futuro do qual você não participa.

…é somente um vislumbre satisfeito e platônico de um futuro do qual você não participa.

Precisa existir a rotina disciplinada. O doer. O acordar cedo e dormir tarde. O ficar doente porque esqueceu de almoçar e beber água. Os surtos de vez em quando. Isso é tudo necessário quando se quer algo grandioso.  Mas, né… 12°C, aquela chuvinha, aquela saída a noite que era pra ser tranquila e acabou você nem sabe como. Acordou em casa e, ainda, não sabe como chegou lá. Faz com que fique cada vez mais longe: o emprego dos sonhos, o doutorado, o best seller, a pintura de 5mil reais, o cargo de CEO, o Nobel de Física e, os 10km.

Fim!


 

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *